Jay-Leno-in-hyperbaric-chamber.jpeg.webp

25 de Novembro, 2022 Noticias

Jay Leno recorre ao tratamento de Oxigenoterapia Hiperbárica após sofrer queimaduras de terceiro grau.

Foram recentemente divulgadas imagens de Jay Leno, o famoso comediante e ator norte-americano, a receber tratamento numa câmara hiperbárica após sofre queimaduras de terceiro grau no momento em que estava a trabalhar no restauro de um carro antigo, uma das suas grandes paixões.

Além do tratamento de oxigenoterapia hiperbárica, o ator ainda teve de receber excertos de pele.

O Dr. Peter Grossman, médico de Leno, explica a importância das câmaras hiperbárica neste tipo de situações.

“Através de uma boa oxigenação do corpo, ajuda a diminuir o inchaço, aumenta o fluxo sanguíneo do paciente e ainda ajuda na diminuição do desenvolvimento de bactérias.”, disse.

O ex-apresentador do “Tonignh Show” sofreu queimadura na região dos membros superiores, peito e rosto, segundo relatam fontes próximas.

“Ele recebeu enxertos de pele que não são dele, ou seja, esta pele provém de um banco de pele ou de um doador. É um procedimento comum numa primeira fase do tratamento.” diz o Dr. Grossman.

Apesar das adversidades da situação, o médico comentou ainda que Leno, a poucas horas de passar por um procedimento cirúrgico, mostrava-se bastante bem-disposto, contava piadas e distribuía bolachas no Grossman Burn Center.

O comediante tem pela frente uma longa recuperação, mas a equipa médica que o acompanha comentou “Mesmo do pouco que ainda conhece-mos do Jay, achamos que não vai demorar muitos meses para recuperar, achamos que ele é o tipo de paciente que vai seguir em frente rapidamente!”.

Acrescenta ainda que as cicatrizes “Definitivamente serão visíveis num futuro próximo, mas esperamos que ao longo dos anos as marcas se tornem mínimas ou até mesmo desapareçam totalmente.”

No fim da entrevista, Grossman afirma que os ferimentos provocados em Jay Leno “são graves, mas que a sua condição é bastante favorável”

No Centro Hiperbárico de Cascais, foram já alguns casos semelhantes que passaram por nós e onde as melhorias foram visíveis de sessão para sessão.

Caso esteja a passar por uma situação semelhante ou se conhece alguém que tenha sofrido ferimentos semelhantes, entre em contacto com o Centro Hiperbárico de Cascais e marque já a sua consulta.


ChC-bombeiro-1.jpg

11 de Setembro, 2022 Noticias

Dia 11 de Setembro
Dia Nacional do Bombeiro Profissional

Como é que a Oxigenoterapia Hiperbárica se cruza com a vida dos Bombeiros?

Hoje, Dia Nacional do Bombeiro Profissional, celebramos e agradecemos aqueles que fazem da sua vida uma ode ao sacrifício, espirito de equipa e trabalho em prol da comunidade.

A homenagem é mais do que merecida!

No entanto, poucos sabem que a Oxigenoterapia Hiperbárica tem um papel muito importante na vida destes profissionais.

Os Bombeiros cruzam-se com esta terapia em dois momentos: para uso nas suas vidas profissionais e também para o socorro de muitas das vítimas que assistem.

Estamos habituados a pensar nos Bombeiros como quem faz socorro de vitimas de acidentes de automóvel ou de quem apaga incêndios, mas são muito mais do que isso! Um dos departamentos que muitas vezes esquecemos são os Bombeiros Mergulhadores (que são também uma importante valência nas operações de vigilância, apoio, busca e salvamento). A Doença de Descompressão (doença decorrente de excesso de moléculas de nitrogénio acumuladas no sangue e nos tecidos) é um dos problemas mais comuns com mergulhadores, e o recurso a Câmaras Hiperbáricas é muitas vezes uma questão de vida ou de morte.

Também em ambientes de incêndio, sejam florestais ou urbanos, os Bombeiros são muitas vezes intoxicados com Monóxido de Carbono que é um gás incolor e inodoro, produzido pela combustão, e que pode provocar várias lesões neurológicas ou, se não for tratado a tempo, pode mesmo ser fatal. Esta intoxicação é uma realidade que muitos Bombeiros se deparam também quando fazem socorro de vítimas intoxicadas por causa de lareiras, braseiras ou esquentadores. O recurso a Oxigenoterapia Hiperbárica é também muitas vezes, nestes casos, vital.

Ainda em ambientes de incêndio, os Bombeiros, não poucas vezes, são vítimas do fogo e saem com queimaduras decorrentes das suas ações de salvamento. O recurso à Oxigenoterapia Hiperbárica em situações de queimaduras, nomeadamente as de 2ª e 3º grau, é muito importante pela sua ação cicatrizante, pelo combate a infeção, pelo favorecimento na regeneração dos tecidos.

A Oxigenoterapia Hiperbárica é uma modalidade terapêutica na qual o paciente respira oxigénio puro (100%), enquanto é submetido a uma pressão 2 a 3 vezes maior que a pressão atmosférica no interior de uma Câmara Hiperbárica. Trata-se de uma terapia indolor e não invasiva e a sua importância é cada vez maior na vida de todos nós e daqueles a quem hoje homenageamos, os nossos Bombeiros!

O Centro Hiperbárico de Cascais é à data, o primeiro e o único centro privado com câmaras monolugares exclusivamente direcionado para a Medicina Hiperbárica e com registo na Associação Europeia.

É composto por uma equipa altamente especializada, com competência em Medicina Hiperbárica dada pela Ordem dos Médicos e com ampla experiencia nas mais variadas aplicações deste tipo de tratamento. Em particular no dia de hoje, damos ênfase às vidas já salvas, de Bombeiros ou Civis, pelo recurso a esta terapia nomeadamente no âmbito de intoxicações por Monóxido de Carbono ou Doenças de Descompressão.

Um bem-haja a todos os guerreiros da paz pelas ações que todos os dias tomam para nossa proteção e salvamento.

 

Maria Luís Gameiro

Direcção Centro Hiperbárico Cascais


tratamento-promissor-covid.jpg

1 de Agosto, 2022 Noticias

Nos últimos dois anos, o mundo foi abalado pelo vírus COVID-19, que se propagou de forma rápida, infetando milhões e provocando uma elevada taxa de mortalidade, das mais altas nos últimos 100 anos, em países desenvolvidos.

Embora a maioria das pessoas consiga recuperar-se de forma mais rápida da infeção provocada por este vírus, em muito devido aos programas de vacinação, algumas apresentam sintomas que podem durar meses após a infeção inicial.

Esses pacientes de longa duração demonstram uma combinação de sintomas persistente incluindo fadiga, problemas de memória, confusão, ansiedade, interrupção do sono, alteração na sensação de paladar e olfato, dores musculares, falta de ar e sintomas gastrointestinais.

Estudos recentes, demonstram que os benefícios da oxigenoterapia hiperbárica pode melhorar as funções neurocognitivas e minimizar os sintomas em condição pós-COVID,mais especificamente, pacientes que possuem os sintomas da infeção a longo prazo.

À medida que o tempo avança, as especulações e preocupações sobre o que esta infeção pode provocar no nosso organismo a longo prazo aumentam. Para muitos, este caminho é visto como uma maratona, afetando corpo e mente, sem ainda se conseguir chegar a uma solução coesa para a recuperação destes casos.

Médicos e cientistas ainda procuram entender de facto, as causas, efeitos a longo prazo e tratamentos eficazes para pacientes que sofram de COVID prolongado.

O Papel da oxigenoterapia hiperbárica no tratamento de COVID-19 prolongado?

A Oxigenoterapia hiperbárica surge como opção a considerar, para o tratamento desta patologia, sendo que é um procedimento que envolve a respiração de oxigénio 100% puro, numa câmara pressurizada. Durante a sessão de tratamento Hiperbárico, a pressão permite que o oxigénio atinja níveis mais altos na corrente sanguínea e nos tecidos, reduzindo a inflamação e promovendo a recuperação.

Após alguns testes realizados, este procedimento tem demonstrado ser eficaz no tratamento de uma vasta lista de patologias associadas, como derrames e lesões cerebrais, e com algumas evidências relacionadas com as sequelas da infeção de COVID-19, sendo ainda necessário estudos mais elaborados e rigorosos que confirmem esta teoria.

Investigadores conseguiram verificar que os pacientes que receberam quarenta sessões de tratamento de oxigenoterapia hiperbárica, apresentaram mudanças representativas a nível cognitivo, fadiga, sono e padrões de dor. Recuperação, que acreditam dever-se ao aumento de pressão sanguínea cerebral e à neuroplasticidade identificada em exames de ressonância magnética. A neuroplasticidade é um processo onde o cérebro cria e reorganiza as conexões sinópticas das células nervosas após a lesão.

Relembrando que, a oxigenoterapia hiperbárica é um método seguro e com poucos riscos associados, onde a maioria das pessoas tolera este tipo de tratamento e não apresenta efeitos secundários graves. No entanto é muito importante o acompanhamento e aconselhamento profissional de um especialista em medicina hiperbárica de forma a verificar a viabilidade do tratamento e considerar possíveis riscos para cada paciente.


Glioblastoma.jpg

29 de Julho, 2022 Noticias

Artigo de Revisão publicado na “Frontiers in Nerology”

Este Artigo de Revisão, tem como primeiro autor, o Dr. Diogo Alpuim Costa, que é também, membro integrante do corpo clínico do Centro Hiperbárico de Cascais.
Neste estudo, o tema centra-se nas propriedades benéficas da oxigenoterapia hiperbárica no tratamento complementar dos tumores do sistema nervoso central e, em particular, dos glioblastomas.
Este trabalho resulta de uma revisão extensa da literatura e do trabalho de equipa dos co-autores oriundos de diferentes áreas do conhecimento médico. Esperamos que este artigo seja o rastilho para estudos clínicos de qualidade e que visem alterar a história natural deste tipo de cancro.
Podemos e temos o dever de melhorar cada vez mais o setor da saúde e de levar o conhecimento mais além.

Texto realizado por Dr. Diogo Alpuim Costa

Artigo de Revisão disponível no link abaixo:
https://www.frontiersin.org/articles/10.3389/fneur.2022.886603/full


dennis-clifford.jpg

14 de Junho, 2022 Noticias

Damos-lhe a conhecer a história inspiradora de Dennis Clifford, atleta do SL Benfica, que após uma lesão grave, provocada por um embate na cabeça durante um jogo da modalidade, provocou o afastamento do atleta durante 109 dias.

O testemunho na primeira pessoa, de quem aliou a força de vontade ao tratamento de oxigenoterapia hiperbárica, realizada no Centro Hiperbárico de Cascais, que permitiu a Dennis Clifford voltar à sua melhor forma, e a culminar na conquista do título de campeão nacional de basketball pelo SL.Benfica.
Após várias sessões na nossa clínica e o acompanhamento dos nossos profissionais de saúde, Dennis consegui vencer uma lesão grave, que aos olhos de muitos não tinha solução possível e que poderia, inclusive, pôr um ponto final na carreira do atleta. Mas, a equipa do CHC, decidiu abraçar o desafio, como o apoio do SL Benfica, e fazer com que Dennis pudesse atingir o seu objetivo, e não poderíamos estar mais felizes com os resultados.
Graças ao tratamento de oxigenoterapia hiperbárica, Dennis voltou às boas exibições em campo e à boa forma física. Connosco o impossível tornou-se realidade, e Dennis Clifford é hoje campeão nacional de basketball, depois de 109 dias afastado por lesão grave na cabeça!
A medicina hiperbárica é cada vez mais, um método de tratamento eficaz em diversas patologias. Não espere mais e começa já hoje a melhorar a sua qualidade de vida. Marque a sua consulta e sinta-se bem!

 


noticia-jn-1200x927.png

3 de Março, 2022 Noticias
Carlos Cardoso - Tratamentos Hiperbáricos
(Rita Chantre / Global Imagens)

Já teve a oportunidade de ler o artigo que foi publicado, no passado domingo, a 27 de fevereiro de 2022?

Leia aqui, o testemunho de Carlos Cardoso que partilha a sua história e nos conta como conseguiu recuperar a sua qualidade de vida, através de tratamentos hipérbáricos, realizados no Centro Hiperbárico de Cascais.

Em 2005, Carlos Cardoso foi diagnosticado com cancro da próstata. Para além da terrível notícia, seguiram-se uma série de tratamentos de quimioterapia e de radioterapia que acabaram por lhe roubar a sua qualidade de vida. Esteve durante 15 anos à mercê desta doença e dos seus tratamentos, procurando ajuda e soluções, através dos meios convencionais e hospitais. Até que, em 2020, conseguiu ver uma luz ao fundo do túnel quando ouviu falar do Centro Hiperbárico de Cascais e dos seus tratamentos. Arriscou e não podia ter corrido melhor. Após realizar cerca de 20 sessões, sentia uma bem-estar geral e, todas as provações do passado, como dores e sangramentos, estavam a desaparecer.

Não perca mais tempo e, deixe-se inspirar aqui no testemunho de Carlos Cardoso que encontrou na Medicina Hiperbárica a sua prancha de salvação.


Martin.jpeg

15 de Fevereiro, 2022 Noticias

Criança ferida procura salvação na Medicina Hiperbárica.

Martin, que ficou dependente depois de ter sofrido graves lesões cerebrais e cervicais, vai iniciar tratamentos na câmara hiperbárica.

Em dezembro de 2020, ocorreu um acidente numa passagem de nível de Caminha. O menino que seguia com a sua mãe e um amigo, após violento embate do veículo e o comboio, sofreu lesões cerebrais e cervicais, ficando totalmente dependente.

A família irá recorrer à Medicina Hiperbárica numa tentativa de recuperação do filho.
Para os pais esta é uma oportunidade que poderá ajudar o seu filho a recuperar a sua vida, visto que este tratamento já foi realizado previamente junto de crianças com as mesmas condições e mostrou grandes progressos.

Acreditamos na Medicina Hiperbárica e em todos os seus benefícios. Desejamos que o Martin e todos que estejam numa situação semelhante possam tirar partido das vantagens das Câmaras Hiperbáricas.

Poderá ler a notícia original do Martin publicada no “Jornal de Notícias” aqui.


Dia-Mundial-Luta-Contra-o-Cancro.jpg

4 de Fevereiro, 2022 Noticias

Dia 4 de Fevereiro
Dia Mundial da Luta Contra o Cancro

Oxigenoterapia Hiperbárica no tratamento de Sequelas Oncológicas/Radioterapia

O cancro é para todos nós o maior dos medos em termos de saúde, não só pela surpresa do diagnóstico como também pela sua dificuldade de tratamento.

Felizmente, a ciência tem encontrado cada vez mais repostas, quer na prevenção, aconselhando-nos a estar sempre vigilantes e a ter uma vida saudável, quer com a possibilidade de tratamento em muitas das situações.

O tratamento do cancro depende da localização do tumor, estágio, comorbilidades e condição clínica do paciente. As 3 modalidades de tratamento mais utilizadas no tratamento do cancro são a quimioterapia, a cirurgia e a radioterapia sendo que cerca de 70% dos pacientes com diagnóstico de cancro realizam radioterapia em algum momento do tratamento.

Embora todas as modalidades de tratamento possam causar sequelas, a radioterapia é o tratamento isolado ou em conjunto com a cirurgia, que pode causar mais sequelas nos sobreviventes de cancro.

As lesões mais comuns, são as lesões de partes moles com pacientes com cancro de mama ou tumores nos membros, que evoluem com feridas crónicas que não cicatrizam; cistite (inflamação crónica da bexiga) retite, proctite e enterite (inflamação no reto, ânus e alças intestinais), em pacientes com timores na zona da bexiga e abdominal; boca seca, perda do paladar, dor orofacial, nos pacientes com tumores de cabeça e pescoço, e danos cognitivos nos pacientes com tumores cerebrais.

O tratamento destas lesões constitui um desafio na prática médica. São lesões crónicas, debilitantes e de difícil tratamento.

O tratamento com Oxigenoterapia Hiperbárica tem grande utilidade no tratamento das lesões decorrentes da radioterapia por promover a melhoria da oxigenação na região dos tecidos previamente sujeitos a radiação, resultando numa neovascularização e aumento da velocidade de cicatrização. O aporte de Oxigénio que circula na corrente sanguínea favorece condições para que as funções de defesa locais voltem a funcionar causando um efeito anti-infecioso e anti-inflamatório.

Muitas das pessoas que sofrem de patologias resultantes de Sequelas pós-Radioterapia desconhecem este tipo de tratamento adjuvante. Muitas vezes os testemunhos são o melhor que temos pelo que transcrevo um testemunho de um paciente do ^Centro Hiperbárico de Cascais com recuperação da sua qualidade de vida:

“Eu recomendo o Centro Hiperbárico de Cascais!
Graças ao Centro hiperbárico de Cascais todos os problemas que eu tinha, nomeadamente lesões no intestino e outras complicações derivadas da doença oncológica que tenho desapareceram no final das 20 sessões. A minha qualidade de vida melhorou significativamente. O meu sincero agradecimento a todos/as os/as excelentes profissionais que trabalham neste Centro! Sem a medicina hiperbárica estaria condenado a uma vida de dor e sofrimento característica de quem sofre de uma doença oncológica. Carlos Cardoso”

O Centro Hiperbárico de Cascais é à data, o primeiro e o único centro privado com câmaras monolugares exclusivamente direcionado para a Medicina Hiperbárica e com registo na Associação Europeia e com credenciação da Entidade Reguladora da Saúde.

Neste Centro encontra uma equipa altamente especializada, com competência em Medicina Hiperbárica dada pela Ordem dos Médicos e ampla experiencia nas mais variadas aplicações deste tipo de tratamento.

Em particular no dia de hoje, damos um alerta para que sejamos vigilantes e que tendo a infelicidade de nos cruzarmos com esta doença, desejamos a ciência encontre formas de ultrapassar e de melhorar a qualidade de vida de quem viveu esta provação.

Bem hajam!

 

Maria Luís Gameiro
Direcção Centro Hiperbárico Cascais


CR7_hiperbarico.png

5 de Janeiro, 2022 Noticias

Se o CR7 utiliza, porque não você?

Entre em contacto connosco para obter uma recuperação muscular mais rápida e eficaz, utilizando a Medicina Hiperbárica.

Somos o único centro privado em Portugal totalmente focado em Medicina Hiperbarica.

No Centro Hiperbárico de Cascais, encontrará equipamentos hiperbáricos monologares de última geração num ambiente de total segurança. Todas as sessões são acompanhado por médicos e enfermeiros com competência dada pela Ordem dos médicos em medicina hiperbárica, garantindo que o seu tratamento é eficaz e seguro. (Em Portugal, os tratamentos em câmara hiperbárica apenas podem ser realizados em clínicas acreditadas pela ERS e com especialistas, estando proibido o seu uso em casa.)

Entre em contacto connosco para saber mais.
Nada melhor que você para atestar todos os benefícios descritos pelos melhores!

 

Poderá ler a notícia original do Cristiano Ronaldo publicada no “The Sun” aqui.

O craque do futebol, 36, repara tecidos danificados respirando ar puro diretamente no plasma sanguíneo.
Uma fonte disse: “Todos sabem que Cristiano é um fanático por fitness e totalmente dedicado a estar na melhor forma que pode estar.

“Ele já usou câmaras de oxigénio antes em sua carreira, mas não são tão fáceis de encontrar no Reino Unido. 

“Isso significa que se ele sentir uma pontada, ele pode usar e obter os benefícios.

“Essas são as razões pelas quais ele perde tão poucos jogos devido a uma lesão”.

Em 2016, ele usou nas férias em Ibiza para acelerar a recuperação de uma lesão no joelho que contraiu na final do Euro.”

FONTE: jornal “The Sun”

2019-08-19 - LOGO CHC -02

O CENTRO HIPERBÁRICO DE CASCAIS é o primeiro Centro de Medicina Hiperbárica Português com câmaras monolugares que permitem fazer tratamentos médicos até 3 ATA.

Membro da EUBS

logowubs-2

Centro Hiperbárico de Cascais

© Centro Hiperbárico de Cascais 2020 - by Blendup Marketing Digital